Corroer A Caretice – Jonnata Doll E Os Solventes Ao Vivo.

Corroer a caretice, buscar viver uma vida anti fascista, mandando porradas muito punks são as missões do Jonnata Doll & Os Garotos Solventes

 

Jonnata Doll

Pouco tempo depois do nascimento do site, tive contato com o primeiro disco de Jonnata Doll & Os Garotos Solventes (2014), e ao resenhar o disco homônimo, sentia que muito deveríamos esperar daqueles cearenses. A contundência das letras e o punch das músicas remetiam-nos a verdades afectivas que se mostraram ao longo do tempo muito efetivas. Pré ou Pós Punk, as influências e as referências dizem pouco disso que a banda vem produzindo.

A atuação desses caras de lá pra cá, com shows incendiários e mantendo a força e subversão que trouxeram a luz com seu debut, nos dá uma lufada de ar. Não tive infelizmente, a oportunidade de conferir ao vivo um show deles, mas esse disco recém lançado me dá um belo aperitivo do que eles me guardam. Sim, me guardam pois ainda não vieram em Salvador trazer essa insanidade revolucionária em forma de música. 

Jonnata Doll & Os Garotos Solventes Ao vivo (2016) é mais uma ejaculação em forma musical de liquido corrosivo para combater a caretice e o fascismo crescente em nossa sociedade. Jonnata Doll é o caso clássico de vocalista performático, daqueles que fazem suas ideias e poesias musicais atravessarem o corpo. Dando-nos aquela sensação de catarse própria do melhor que o rock tem a oferecer. Os Garotos Solventes, formados por Marcelo DenisDead (bateria), Edson Van Gogh(guitarra), Leo Breedlove (guitarra), Joaquim Louro Sujo (baixo), oferecem o peso e a cadência instrumental para as insanidades.

Rock direto sobre o bom e velho: Sexo e Drogas, aquela combinação bacana dos verdadeiros campeões. Os que vencem através da arte os inimigos da vida. O disco ao vivo traz as canções do seu disco de estreia e mais três canções inéditas, mas que já vinham sendo executadas. A “junkie” Por Uma Dose De Amor, a deliciosamente looser Cheira Cola e a sensualmente pesada Crocodilo. Gravado no estúdio EAEO, daríamos um dedinho pra estar presente nessa sessão.

Curioso notar que faz algum tempo a banda anunciou um disco de inéditas que teria a produção de ninguém menos que Kassin, porém soltaram esse registro ao vivo. Cheio de intensidade e continuando sua trajetória de modo coeso e subversivo nessa republica FUDIDA que é o Brasil. Um momento onde é preciso manter a chama da revolução, seja ela de que modo seja, viva. Os caras seguem nesse devir químico correndo a caretice e a canalhice em meio a outros companheiros de profissão, Lobos Bobos, Cachorros de Madame e Super QI’s que não pensam. 

O disco pode ser ouvido e baixado aqui.

Jonnata Doll > voz

Marcelo DenisDead > bateria
Edson Van Gogh > guitarra
Leo Breedlove > guitarra
Joaquim Louro Sujo > baixo
Saulo Raphael > baixo em “Cigarros Pelo Muro” e “Garantia de Alegria”

Gravado ao vivo em 2015 nos estúdios do EAEO
Captação: João Noronha e Felipe Crocco
Mixagem: João Noronha
Masterizado nos estúdios Reco-Head por Arthur Joly

Arte da capa: Júlio Vieira

EAEO Records

Aproveite e assista também essa apresentação bacanuda deles no Estúdio Showlivre:

Sobre o Autor

Danilo

Bodyboarder de alma, pandeirista de ocasião. Pagodeiro nas horas loucas. Quer apenas poder dormir em paz nos ônibus e acredita que os fones de ouvido são fundamentais para a criação de uma nova religião capaz de acabar com o mal no mundo. Vive de Boas...

Notícias relacionadas

Comentar